);

Robotic Process Automation (RPA): por que você precisa investir nisso hoje?

Já mostramos aqui no blog que a Robotic Process Automation — ou simplesmente RPA — é uma tecnologia inovadora que automatiza os processos de negócios. Agora, você vai descobrir por que a sua empresa precisa começar a investir nisso imediatamente.

Continue lendo e veja como a RPA pode revolucionar o dia a dia do seu negócio, otimizando a mão de obra, facilitando os processos da empresa, ajudando na coleta de dados, promovendo a redução de custos e muito mais.

O que é e como funciona a RPA

A Robotic Process Automation refere-se a aplicativos de software (geralmente chamados de softwares robôs) que replicam ações ou tarefas exatamente como um ser humano, o que torna a tecnologia ideal para automatizar tarefas manuais repetitivas.

A RPA reúne muitas das palavras-chave tecnológicas que você ouviu na última década — automação, inteligência artificial (IA), machine learning, Big Data —, mas com uma importante diferença: ela realiza tarefas que antes eram consideradas difíceis de automatizar. Isso inclui gerenciamento financeiro, recursos humanos, cadeia de suprimentos e gerenciamento de TI.

As soluções de RPA podem variar de básicas a complexas, com a última abrangendo potencialmente muitos robôs interoperáveis ​​e tecnologias adicionais de IA:

  • automação básica lida com tarefas repetitivas e baseadas em regras que envolvem dados estruturados;
  • automação avançada utiliza tecnologias de IA, como machine learning e processamento de linguagem natural, para estender processos mais complexos que antes estavam fora do alcance da automação;
  • automação inteligente baseia-se nessas fundações para impulsionar a tomada de decisão autônoma, as melhorias contínuas nos processos e a orquestração instruída, a fim de reinventar os projetos de processos e criar formas de trabalho.

Como a RPA pode transformar a rotina do seu negócio

Investir em tecnologia é a forma mais rápida de se diferenciar no mercado e crescer de maneira relevante. Mas, antes de considerar a RPA, você precisa responder a uma questão crucial: existe alguma parte do seu negócio que pode ser automatizada?

Se a resposta for afirmativa, provavelmente há uma solução que pode ajudar a sua empresa a ter um desempenho melhor.

A Robotic Process Automation permite que a sua empresa aumente o desempenho, reduza os erros e otimize o fluxo de trabalho, ajudando as equipes de negócios a alcançarem resultados que vão além da capacidade humana.

Isso, por sua vez, leva a maior produtividade, o que reduz a sobrecarga e aumenta a lucratividade. Com isso, você consegue integrar a área de TI à de negócios e agregar valor tanto ao seu setor quanto à empresa.

A seguir, confira em detalhes como a RPA pode revolucionar o dia a dia do seu negócio.

Mão de obra

Ninguém pode trabalhar tão rápido quanto um robô — e ninguém trabalha a um custo tão baixo. A implementação da RPA pode reduzir o custo da mão de obra em 35% a 65% e iniciar o retorno do investimento em apenas seis meses.

Os ganhos de produtividade devidos à RPA são reais e mensuráveis. Há boas razões para o software robô ser muitas vezes apresentado como uma alternativa à terceirização de tarefas de entrada de dados. Estimativas de especialistas colocam a economia de custos da RPA sobre a terceirização em mais de 70%.

Embora as economias sejam substanciais, é importante observar que o objetivo da RPA não é automatizar empregos, mas tarefas: graças a ela, os funcionários deixam de fazer trabalhos burocráticos para se concentrar em atividades de maior valor agregado.

Processos operacionais

As empresas que conseguem se adaptar rapidamente às mudanças do mercado e às demandas dos clientes são as que desfrutam de sucesso a longo prazo.

Como a RPA reproduz as ações humanas, ela não envolve alterações de codificação em seus aplicativos, tornando-se flexível e adaptável a praticamente qualquer negócio.

O seu ERP, CRM e aplicativos específicos do setor são candidatos ideais para a automação de processos robóticos — e um software robô pode funcionar em vários aplicativos simultaneamente, combinando seus processos de negócios e fluxos de trabalho exclusivos.

Ao reduzir os processos operacionais, você consegue focar sua força de trabalho em iniciativas estratégicas e tem mais recursos financeiros para investir na empresa.

Coleta de dados

Devido à transcrição, transposição ou descuido, a média de erros de entrada de dados nos negócios varia entre 2% e 5%. E, como bom profissional de TI, você sabe que os erros custam dinheiro, tanto para encontrá-los quanto para consertá-los.

Os softwares robôs são extremamente precisos: eles simplesmente não são suscetíveis à miríade de fatores que resultam em erro humano.

Como o processo de automatização é gradativo e validado em etapas, seus processos e fluxos de trabalho devem ser otimizados e livres de erros antes da implementação — ou o software RPA replicará esses erros.

Tomada de decisões

Todo gestor espera ter as informações estratégicas necessárias para tomar as melhores decisões possíveis. Geralmente, esses dados vêm por meio de relatórios. Esses documentos exigem muita extração de dados e consolidação de informações — é preciso, por exemplo, copiar, digitar, fazer planilhas e validar.

Quando todo esse processo é feito por um software robô, ganha-se muito mais agilidade e a certeza de que a informação será obtida e depositada nos locais certos. É o que chamamos de trabalho com precisão e consistência.

Com isso, a alta gestão consegue acesso antecipado a relatórios com informações precisas e consistentes — o que pode ser decisivo para tomar decisões mais assertivas e configurar uma vantagem e tanto em relação à concorrência.

Redução de custos

Uma vez implementado, há ainda um acompanhamento da RPA. Geralmente, você paga pelo servidor, o software robô e a manutenção. Além disso, em vez de pagar por toda a estrutura, o robô pode ser contratado por horas de execução.

Dessa maneira, o serviço acaba funcionando quase como um SaaS (Software as a Service): o robô fica na nuvem e você paga apenas pelo que for usado de fato. Prático e econômico!

O que fazer para implantar a RPA na sua empresa

Curiosamente, adotar a RPA não é tão complicado quanto parece. Pense nela como uma proposta de baixo risco e alta recompensa, que pode levar a empresa a novos patamares muito mais rapidamente.

Após vender o conceito aos seus colegas, a tecnologia pode ser incorporada de maneira relativamente rápida graças ao poder das ferramentas de software dedicadas a simplificar as funções específicas da empresa.

E aí, o que você está esperando para implantar a Robotic Process Automation na sua empresa? A concorrência já está investindo e aumentando a produtividade — e os seus clientes querem ser atendidos melhor e mais rápido.

Se você deseja saber mais detalhes sobre a implantação dessa tecnologia, entre agora mesmo em contato com a gente.